Inicio » Destaque » Morre aos 64 anos Dom Tirso Blanco

Morre aos 64 anos Dom Tirso Blanco

  • Redacção Farol
  • Publicado quarta-feira, 23 de fevereiro de 2022

O bispo da Diocese do Luena, Dom Jesus Tirso Blanco, morreu ontem, vítima de doença prolongada, aos 64 anos. O bispo era tido como grande defensor de causas nobres da província do Moxico

A notícia da sua morte veio da Itália, em Verona, onde Dom Jesus Tirso Blanco estava acometido com uma doença prolongada, segundo o comunicado oficial da Diocese a que pertencia.

Dom Jesus Tirso Blanco, de 64 anos de idade, é um cidadão de nacionalidade argentina, que chegou em Angola quando tinha 28 anos (aos 5 de Março de 1986), para a sua missão enquanto sacerdote da Igreja Católica.

O bispo da Diocese de Luena considerava esta parcela da igreja como a maior diocese em termos territoriais, mas provavelmente a maior diocese a sul do Sahara e de grandes dimensões.

Das várias intervenções e projectos que se envolveu, o bispo em questão debateu-se muito com a questão da fome no Moxico, a fraco desenvolvimento, as condições das estradas, a educação, entre outros problemas sociais.

A Igreja Católica perde uma grande personalidade naquela província e o bispo de Cabinda, Belmiro Chissengueti considerou, esta perda, como um momento de dor e de esperança que nasce da fé.

“É uma grande perda para a nossa Conferência Episcopal, para a Igreja e para muitos e muitas que foram bafejados pelo perfume do seu zelo Apostólico. Obrigado, Dom Tirso!”, escreveu, nas suas redes sociais.



Deixe o seu comentário!